Tratamento Intrauterino de Linfangiomas com OK-432

Este trabalho visou analisar as possibilidades de tratamento dos linfangiomas, incluindo os resultados obtidos com o tratamento intrauterino dos linfangiomas com a aplicação do agente esclerosante conhecido como OK-432.

Este método de tratamento ainda durante a gravidez tem-se apresentado como uma opção interessante, na medida em que reduz os riscos de um procedimento cirúrgico, seja ao nascimento (EXIT) ou no período pós natal, com as cirurgias convencionais.

Nos casos tratados e acompanhados que foram publicados, os resultados foram animadores: remissão completa da lesão, sem sequelas neurológicas, motoras, nem estéticas.

Sabe-se que a gravidez é um estágio de fragilidade da mulher e na grande maioria dos casos há impotência em relação a saúde fetal, quando causas maternas são excluídas. E a Medicina Fetal vem se firmando como um elo entre mãe e feto, que permite à primeira oferecer uma gama de possibilidades de tratamento para o feto enfermo, que muitas vezes pode ser determinante na sua própria sobrevivência e/ou qualidade de vida.

Contate-nos!

Atendimento online indisponível no momento. Envie sua mensagem e retornaremos o mais breve possível.

Olá! Como posso ajudar?

Clique para enviar

Para mais informações

Seu nome (obrigatório)
Seu telefone (obrigatório)
Seu e-mail (obrigatório)
Seu interesse
Comentários
×

Para mais informações

Seu nome (obrigatório)
Seu e-mail (obrigatório)
Sua mensagem
×