Uma Revisão Sobre Malformações Cardíacas: Anomalia De Ebstein, Truncus Arteriosus Communis, Ectopia Cordis E Tumores Cardíacos.

INTRODUÇÃO

As doenças cardíacas congênitas (DCC) são a principal causa de óbito neonatal e infantil, não somente devido à complexidade das malformações, mas
também devido à sua incidência elevada.
Sua incidência estimada é de 7,5/1.000 nascidos vivos, se considerarmos apenas os casos moderados e graves, sua incidência é de cerca de 6/1.000.
(Hoffman, 2002)
O diagnóstico pré-natal interfere positivamente na conduta pós-natal, menor tempo de espera por tratamento cirúrgico, melhor prevenção de comprometimento
hemodinâmico grave, e menor período de permanência em unidade intensiva.

[contact-form-7 404 "Not Found"] ×
[contact-form-7 404 "Not Found"] ×